Arquivo da tag: Marcelino Freire

Trabalhe seu romance em oito etapas

Mês passado eu divulguei uma oficina de contos que o Marcelino Freire está ministrando lá Programa de Criação Literária e algumas pessoas me escreveram agradecendo, todos elogiando muito. Fiquei orgulhoso em fazer a ponte. Já fui oficineiro do Marcelino e pouca gente tem o jeito que ele tem para colocar as letras da gente pra fora.

Esse mês, a proposta do Programa de Criação Literária é tirar aquele seu projeto de livro da gaveta e levá-lo para oito encontros ao lado de André de Leones, ganhador do prêmio SESC, colaborador dos jornais O Estado de São Paulo, Rascunho e Jornal do Brasil e escritor com seu quinto livro em lançamento: Terra de Casas Vazias, pela Rocco, um “road book” escrito numa temporada do autor em Israel.

Andre2013_Cover

O André também posta no vicentemiguel, é um dos criadores do Histórias possíveis e colabora no Escritoras suicidas.

Continue lendo Trabalhe seu romance em oito etapas

“NÃO ESCREVA BONITO” por Marcelino Freire

marcelino

Escrever bonito é uma merda. Não queira esse elogio de ninguém. Loa tipo essa: você escreve tão bem. Você nos toca. Ave nossa! Fuja dessa mentira. Dessa falácia! Não procure palavras gloriosas. Maquiagens pesadas. Botox nas frases. Bom é verbo velho. Enrugado. O peso exato de cada parágrafo. Nem mais nem menos. Fique longe, sempre digo, de qualquer sentimento. Releia, agorinha, aquele seu conto. Ponto por ponto. Se, aqui e ali, você parar a leitura para suspirar. Jogue fora o suspiro. Tudo que for adjetivo elevado. Enganoso. Xô, ao lixo! Não presta para a poesia o que é cerimonioso. Solene. Também não invente termos acadêmicos. Gregos pensamentos. Arrodeios na língua. Lembre-se: todo livro nasce falido. Raquítico. Você critica tanto o discurso político. E faz o mesmo na hora de escrever. Usa gravata para parecer ser. E não fica sendo, nem um tiquinho, parecido com você. Esta pobre imagem que avistaremos no espelho. Antes de morrer. Nosso! Faz tempo que eu não falava assim tão bonito. Que merda! Pode crer.

— do blog Ossos do Ofídio

(A oficina dele começa amanhã. Não vacila.)

8 Dicas para Romancistas Estreantes

Minha admiração pelo Bráulio Tavares fratura limites. Escritor, poeta, compositor, roteirista e crítico, é uma enciclopédia viva sobre literatura fantástica nacional. Ouvir esse cara falar da produção sci-fi de Guimarães Rosa durante a Fantasticon foi transcendental. Hoje ele postou oito dicas que um escritor gringo, o Mark Savras, elaborou depois de ser jurado de um concurso para romancistas estreantes. Saca só.
Continue lendo 8 Dicas para Romancistas Estreantes

Oficina de contos com Marcelino Freire

Muita gente me escreve pedindo indicações de oficinas e cursos, pois na semana que vem começa uma oportunidade que Aprendiz de Escritor nenhum pode perder.

Marcelino2013_Cover

Eu já perdi as contas de quantas vezes eu recomendei as literatices do Marcelino Freire por aqui.

Ganhador do prêmio Jabuti por Contos Negreiros, organizador da Balada Literária e um dos Mestres mais competentes com que eu já travei letras, essa oficina foi uma das que mais me destravou parágrafos ladeira abaixo. A energia do Marcelino é contagiante.

Pra melhorar ainda mais, os melhores textos produzidos durante essa oficina serão reunidos numa coletânea e publicados pela editora Terracota!

Nem falo mais nada. Imperdível.

As inscrições são limitadas. Vai lá!

Onde: Espaço Terracota Editora, na Vila Mariana, São Paulo.

Quando:  8 encontros  a partir de 5 de março, terça, das 19h30 às 22h30.

Quanto: 6 x R$ 112,50

Oficina IMPERDÍVEL com o MESTRE Marcelino Freire

Marcelino foi meu professor no Programa de Criação Literária da Terracota. Um dos melhores, sem sombra de dúvida. E o Espaço Cultural Terracota é próximo ao metrô Vila Mariana, um lugar confortável, agradável e cheio de gente inteligente com quem trocar letras.

Oficina de Narrativa Multimídia é sábado agora!

A minha oficina começa às 13h45 e vai até as 16h30 no laboratório de informática da Universidade. Vamos brincar um pouco com as possibilidades narrativas que a multimídia oferece e começar a tecer nossas palavras usando a teia da web!

Vejo vocês por lá?

O Encontro Prática de Escrita acontece informalmente desde 2001, mas há cinco anos o evento ganhou periodicidade e formato e vem se tornando parte da agenda de quem gosta de literatura.

O principal objetivo do encontro é reunir pessoas que não só apreciam a literatura, mas também tudo que circunda a prática de escrita literária.

A programação é dividida em dois tempos, o primeiro gira em torno das mesas com palestrantes, que discorrem sobre assuntos que permeiam o universo literário; o segundo tempo é das oficinas de estudo e criação.

Pelo evento já passaram nomes como: Milton Hatoum, Marcelino Freire, Cadão Volpato, Nelson de Oliveira, Raphael Draccon, Roberto de Souza Causo, Edson Cruz, Eric Novello entre outros.

Continue lendo Oficina de Narrativa Multimídia é sábado agora!

Inscrições Abertas para o IV Encontro Prática de Escrita

O Encontro Prática de Escrita acontece desde 2001, mas há quatro anosganhou periodicidade e vem se tornando agenda obrigatória de quem gosta de literatura. O objetivo é reunir pessoas que apreciam literatura e tudo sobre a prática de escrita. A programação gira em torno de oficinas de criação literária e bate-papos sobre o universo literário. Pelo evento já passaram nomes como Milton Hatoum, Marcelino Freire, Raphael Draccon, Kizzy Ysatis, Roberto de Souza Causo e Sérgio Pereira Couto.

Este ano o evento está recheado de apresentadores literários: Cadão Volpato do programa Metrópolis na TV Cultura, Mona Dorf do programa Letras & Leitura na Rádio Eldorado e Oscar D’ambrósio do programa Perfil Literário, na Rádio Unesp. Eles conversarão sobre prática literária e compartilharão suas experiências em centenas de entrevistas com escritores.

O encontro acontece no dia 7 de maio, sábado, das 10h às 16h30, na Universidade Cruzeiro do Sul, campus Liberdade e é organizado pela Terracota editora como parte da programação do curso de lato sensu em Criação Literária. A inscrição deve ser feita abaixo. O limite de vagas é 120 para as mesas e 15 por oficina.

Continue lendo Inscrições Abertas para o IV Encontro Prática de Escrita

Editora Terracota: Jabutis na literatura fantástica? É o fim do mundo!

Na semana passada, falei da Draco, uma editora brasileira que está apostando alto tanto nos leitores quanto nos escritores nacionais de literatura fantástica! Algo raro por aqui, como bem sabem os mais afeitos a esse ramo de consumidores tão acostumados a Rowlings, Meyers, Kings e Gaimans.

No decorrer do artigo eu citei outras editoras que são ponta firme na ficção científica nacional (como a Devir e a Tarja), mas hoje eu volto pra destacar a Terracota: uma editora relativamente jovem (siga-a pelo Twitter) que está prestes a publicar algo que todo Aprendiz de Escritor julgaria, no mínimo, digno de atenção…

Continue lendo Editora Terracota: Jabutis na literatura fantástica? É o fim do mundo!

“Lave-Letras”

Deve-se escrever da mesma maneira como as lavadeiras lá de Alagoas fazem seu ofício. Elas começam com uma primeira lavada, molham a roupa suja na beira da lagoa ou do riacho, torcem o pano, molham-no novamente, voltam a torcer. Colocam o anil, ensaboam e torcem uma, duas vezes. Depois enxáguam, dão mais uma molhada, agora jogando a água com a mão. Batem o pano na laje ou na pedra limpa, e dão mais uma torcida e mais outra, torcem até não pingar do pano uma só gota. Somente depois de feito tudo isso é que elas dependuram a roupa lavada na corda ou no varal, para secar.

Continue lendo “Lave-Letras”